Personificação

Em figuras de linguagens existe um tipo de figura chamada Personificação, e como ela faz parte de uma das subdivisões, o estudante terá uma breve explicação sobre o tema e ter nota máxima na prova!

O conteúdo gramatical é muito simples e mesmo que exista as regras, basta o estudante seguir as regras e se ficar na dúvida pode consultar o conteúdo novamente.

Quem está constantemente estudando e revisando assuntos de gramática, sabe que estudar Figuras de Linguagem é bem complexo e extensos, existe vários tipos de figuras e são elas que o estudante deve sempre revisar para não perder nenhuma questão importante na prova.

Figuras de Linguagem – Personificação

Existe vários conceitos para figuras de linguagens, a sua maior finalidade é de que expressa por meio de escrita ou mesmo da fala um pensamento, ideia e para isso acontecer é só fazer uso dos recursos linguísticos.

Em figuras de linguagens por ser um conteúdo extenso, ele se classifica em quatro formas: Figuras de pensamento, Figuras de Construção, Figuras de palavras ou Figuras de Sons, nesse artigo em especifico você terá uma breve explicação do que vem a ser Personificação.

Essa figura de estilo está completamente ligada a figura de pensamento.

Personificação – o que é

Para iniciar o conteúdo, é importante que se entenda que Personificação também ganha outros atributos, ou seja, ele pode ser chamado de Prosopopeia ou Animismo, então caso veja esses dois nomes em alguma prova, não ache estranho pois elas também são utilizadas para definir o conceito de personificação.

Essa figura é muito usada nos textos literários, e facilmente você terá questões que lhe faça lembrar de personificação. Ela tem como finalidade está ligada ao efeito de personificar ou como podemos simplificar de que dará vida a seres inanimados.

Nele está incluso o comportamento, qualidades humanas, sentimentos ou até mesmo características.

Para essa explicação temos um exemplo:

Ex: O dia acordou triste.

Quando se lê esse exemplo, rapidamente você nota que a expressão “acordou triste” remete a sentimento, e remete ao sentimento humano. Pode-se dizer também que a palavra “dia” está associada ao substantivo inanimado.

Se você notar o próximo exemplo vai terá entendimento sobre o atributo de personificação, veja como o exemplo é empregado abaixo:

Ex: Naquela noite, a lua beijava o céu.

Para este exemplo, temos a seguinte expressão ”lua beijava” isso pode ter uma ligação de que nesse exemplo existe uma característica de em que se possui vida, sentimento, onde a lua beijava o céu. E para fazer complemento da palavra ” lua ” se torna um ser inanimado.

Esses exemplos são simples, mas basta fazer um atributo ao que vem a ser personificação. A personificação é uma derivação do verbo Personificar, uma vez sendo assim ela se remete a uma ação, e como prosopopeia tem  a mesma finalidade.

O estudante pode tomar esse como uma derivação do grego,  chamada de “prosopon” tem como tradução (pesssoa), e o seu complemente “poeio” (fingir), o que se remete a uma pessoa que finge algo, por tanto, tudo estar relacionado as características, comportamentos e sentimentos.

Leia também: